top of page
  • Foto do escritorPaulo Vieira

O QUE PODEMOS FAZER PARA AS ESCOLAS NÃO FECHAREM

Atualizado: 25 de ago. de 2020

Você tem filhos e não vai levar eles pra escola?

Você dono de escola (ou que trabalha em escola) está ficando maluco em perder alunos (ou o emprego)!


Essa pandemia mudou a vida de todos nós, eu sei! Escola é uma delas.

Vamos lá ao pensamento do que a gente pode tirar de lição (e fazer diferente).


Antes de tudo é preciso dizer que temos 3 lados dessa história (para resumir).

Os pais;

Os proprietários das escolas;

Os colaboradores (inclui-se professores).


Do lado dos pais:

"Amor, você já fez a atividade online com o Theo?"

"Não amor to num call com o pessoal do escritório, que ainda não acabou..."


Do lado do Professor:

"Então aqui nesta aula...vixi a internet travou"

"Pessoal vou ter que desativar o chat porque tem muita besteira"


A Escola:

"Mas senhor, nós já concedemos X% de desconto e estamos honrando com todos os pagamentos dos professores. A energia e água representam apenas uma pequena parte de nossos gastos"


O que precisamos (todos) fazer pra esse barco não afundar?


1- Empatia - Lá vem o blá blá blá!

Pessoal é serio, muito sério! Uma pesquisa encomendada pelo setor privado apontou que cerca de 50% das escolas particulares irão fechar.

Sabe aquela tia ou professora do seu filho? É, ela vai pra rua, como uma avalanche de professores. E vai disputar um emprego com quem?

Imagina milhares de pessoas procurando emprego inexistentes, pois tudo já está preenchido.


2- Valorização: Que paradoxo!

Ao mesmo tempo em que professores estão a beira de serem demitidos os pais estão super valorizando eles. O tempo dedicado, a forma, o respeito e validando que são competentes no que fazem (principalmente agora que tudo é filmado).

3- Atualização: O Professor.

Então, o professor que tanto estudou e se dedicou, muitos deles, acabaram esquecendo da tecnologia. Ela não é o futuro, ela é o presente e o futuro. E agora, quem não se atualizar vai ficar pra trás em muito pouco tempo. Já pensou que em uma próxima entrevista o item será:

"O senhor conhece Google Classroom? Como são suas vídeos aulas?

Youtube e etc irão fazer parte das competências.


4- Escolas: Acabou o marketing pelo marketing.

O melhor ensino da região entre outros slogans. Esqueçam!

Uma nova forma de se fazer educação estará nos aguardando em 2021. E ela será diferente (hibrida, tecnológica, disruptiva...) O melhor ensino todos esperam, mas os pais esperam uma forma diferente de promover a educação.

Pessoal, essa é uma reflexão baseada em quem ouve todos os lados e , de alguma forma, espera ajustar esse pensamento. É um texto direcionado pra você que é pai, para você professor, e pra você mantenedor. Se faz sentido para vocês compartilhem para deixar este desafio mais leve e não prejudicar nenhuma das partes, porque no final quem sofre é a educação!


Fiquem com Deus!


 

Paulo Eduardo Vieira é publicitário há 15 anos e já desenvolveu trabalhos para BMW Brasil, Vigor, Carrera entre outras grandes marcas.

É fundador e sócio da Oreo Consultoria & Marketing, agência com foco em escolas e colégios e também é idealizador e sócio fundador da educa.social.




 


164 visualizações

Comments


bottom of page